estreLa (Editado)

by

Tenho comigo uma saudade louca de ti, que espero, ainda, seja saciada. Talvez em dez, vinte anos, quem sabe amanhã. Espero ver-te dinovo, meus olhos pedem, meu peito exige. Não sei se há vida para mim sem a esperança de te ter dinovo, vivo hoje por um amanhã em que te terei plenamente. Viverei cada instante, pelo que hoje minha mente pode conceber do futuro, em busca do teu olhar, da tua voz, da confiança em ti; sonharei com nossos dias de alegria nas tristes noites de sábado. O tempo há de ser gentil comigo, há de levar-te de minha memória em dias de mais luz em que vozes amigas me contarão histórias de suas vidas, há de passar rápido, muito rápido, nos nas noite em que, mesmo rodiado de boas companhias, a imagem, a lembraça, de ti se abater sobre mim, como que uma antiga ferida que novamente se vê exposta e tem o bico faminto e afiado do passado a lhe cutucar. Torço para que sejas feliz, muito. Feliz por nós dois, pois a mim cabe apenas a esperança, este cruel sentimento que nos faz acreditar no melhor, sempre tão longe, sempre tão perto de chegar. Seja feliz, muito, pois eu, eu apenas viverei. Viverei em busca da tua felicidade, da minha felicidade, desta felicidade que só tu podes irradiar como um sol que traz novamente a vida e me tirará destas trevas. Um sol, uma estrela. Minha estrela.

(Editado por motivos pessoais.)

Uma resposta to “estreLa (Editado)”

  1. Mila Says:

    Bonito, mas me faz lembrar de quem quero esquecer..
    Como diz Kid Abelha..
    “Não se desama dando um mero tchau”

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: