SMS

by

Sonho antigo,
De noites passadas:
Solidão me consome
e a triteza me afaga.

Vida nova,
Cheia de graça:
tua paixão é meu norte,
e o teu olhar minha casa.

Casa onde me refugio, me encontro,
e te tenho minha amada.

(Feito no celular! É complicado, mesmo com o sistema T9, fazer poesia no telefone… o poema não ficou nada geométrico (como se os meus outros fossem muito) mas eu gostei da sonoridade dele.)

Uma resposta to “SMS”

  1. Mila Says:

    hummm Blog novo..
    Poema fico com sonoridade gostasa sim..
    fofinho.. =)
    Bjinhos minino!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: