Viva

by

A vida as vezes parece sólida, está ali, presente, irrevogável, poderosa. Mas as vezes, tantas, ela mostra toda a sua sutileza, o quão fracos e sucetíveis ao acaso nós somos. Muitas vezes é preciso um momento muito difícil, a perda ou o mal de alguém querido para que isso fique claro.

Mas ainda existem manhãs em que nos acordamos e nos damos conta da vida, mesmo diante dos problemas, da fragilidade em que se encontram aqueles que nos são queridos, vemos o quão importante é vivê-la. Talvez, por isso em Nietzsche haja um recurso tão grande à imagem do convalescente. Afinal, só quando se enfrentou determinadas situações, quando se esteve no fundo de um abismo, é que podemos ver o quão belo é o dia claro sobre as montanhas.

A vida é frágil, bela, forte em momentos decisivos. Não é à toa que é um substântivo feminino. Não há como querer fazer com que os jovens entendam a sutileza da vida, o quão linda e delicada ela é: é necessário que eles vivam.

Que vivamos todos nós, para nos acordarmos um dia e nos darmos conta do que é a vida.

(Não é necessário muita coisa para que a vida se faça sentir, mas momentos, pessoas e lugares especiais ajudam.)

Torre Eifel, queda da Bastilha

Torre Eifel

Londres

2 Respostas to “Viva”

  1. Allan Says:

    “Vida louca, vida breve…

    E o bom de tudo é que a nossa vida somos nós quem construimos (à exceção dos momentos mágicos, como um dia de sol em Riva del Garda).
    🙂

  2. Helena Araujo Says:

    Seus pensamentos sobre a vida são os meus….Chorei cara!!!
    Estava atrás de fótos e documentários de Paris…Amei o que li aqui!
    Muita luz a vc… Helena…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: